Domingo
22 de Setembro de 2019 - 

Notícias

Newsletter

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . . . . .
Dow Jone ... % . . . . . . .

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 4,17 4,17
EURO 4,59 4,59

Renda do projeto de sustentabilidade é destinada a crianças acolhidas

Em parceria com a Energisa, o Projeto Padrinho está disponibilizando à venda os produtos confeccionados por meio do projeto "Costurando a Sustentabilidade", uma iniciativa que beneficia crianças acolhidas, mulheres que cumprem pena e o planeta. Isto porque o projeto buscou encontrar um destino para os uniformes da companhia elétrica que precisam ser constantemente substituídos. A partir da ideia de sustentabilidade, a Energisa escolheu destinar a matéria prima que antes era incinerada para que pudesse ser transformada pelas detentas do presídio feminino Irmã Irma Zorzi, as quais, a cada dia trabalhando, são beneficiadas com três dias de remição de pena. O resultado são aventais adulto e infantil, além de ecobags e lixeiras para carros. Todo o dinheiro obtido com a venda dos produtos é revertido em prol das crianças atendidas pelo Projeto Padrinho. Os produtos podem ser adquiridos na sala do Projeto Padrinho no Fórum de Campo Grande e também na Energisa. Com os valores arrecadados das vendas na concessionária estão sendo confeccionados e distribuídos kits de higiene para as crianças e adolescentes acolhidos, contendo itens de necessidade contínua como fraldas, shampoo, absorvente e creme dental. Já os valores das vendas pelo Projeto Padrinho tem destino certo: custear os atendimentos multiprofissionais. A ajuda aliás, chega em boa hora, destaca a coordenadora do Projeto Padrinho, Andrea Espíndola Cardozo, isto porque o período de recessão pelo qual passa o Brasil refletiu nos apadrinhamentos. Segundo Andrea, hoje o Projeto Padrinho atende 10 crianças com necessidades especiais que estão acolhidas, além das demais crianças e adolescentes. Se de um lado as despesas são grandes com tratamento e suporte material, por outro, os padrinhos estão cada vez mais escassos. Vale destacar que existem persas modalidades de apadrinhamento, como os prestadores de serviços: sejam eles, médicos, psicólogos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, etc. que podem, em vez de contribuir com uma quantia em dinheiro, realizar os atendimentos gratuitamente ou cobrar um valor de tabela social. Hoje, o Projeto Padrinho conta com 28 padrinhos financeiros, os quais contribuem com quantias livres, de acordo com suas condições. Estes valores são encaminhadas diretamente para as instituições de acolhimento que, de acordo com o critério de emergência, arcam com os atendimentos e serviços necessários. Outros 25 profissionais persos são padrinhos prestadores de serviços, que prestam os atendimentos a baixo custo ou sem cobrar nada. Mas esta quantidade de padrinhos é pequena para um universo de 150 crianças acolhidas neste momento em Campo Grande. Sobretudo porque as maiores demandas são da área de saúde, como pediatria, psiquiatria e fisioterapias para atender, muitas vezes, tratamentos de alto custo. Além de se tornar padrinho, você também pode contribuir com esta causa adquirindo os produtos do projeto "Costurando a Sustentabilidade". Os aventais adultos estão à venda por R$ 20,00. O avental infantil custa R$ 10,00 e tanto as ecobags quanto as lixeiras para carro custam apenas R$ 5,00. Faça parte desta corrente do bem! Mais informações pelos telefones (67) 3317-3512, (67) 99163- 1600 ou pelo e-mail andrea.espindola@tjms.jus.br.
20/08/2019 (00:00)

Contate-nos

Diego Brito Advocacia & Consultoria

Rua Esso  334
-  Jardim América
 -  Campo Grande / MS
-  CEP: 79080-070
+55 (67) 3201-9742
Visitas no site:  224949
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.