Sexta-feira
19 de Abril de 2019 - 

Notícias

Newsletter

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . . . . .
Dow Jone ... % . . . . . . .

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,94 3,94
EURO 4,42 4,43

Mãos EmPENHAdas é replicado em salões de beleza de SP

“Muito orgulhosa e feliz por ver nosso projeto Mãos EmPENHAdas Contra a Violência replicado em São Paulo, por meio do meu querido colega Mário Rubens Assumpção Filho, da competentíssima promotora Gabi Manssur, no salão Jacques Janine, que já é nosso parceiro em Campo Grande! Muito sucesso!”. As palavras são da juíza Jacqueline Machado, coordenadora da Mulher em MS e idealizadora do projeto Mãos EmPENHAdas Contra a Violência do Tribunal de Justiça de MS, uma iniciativa inédita no país ao propor que profissionais da beleza sejam agentes no combate à violência doméstica e familiar contra a mulher. Com o programa, manicures, cabeleireiras e depiladoras tornam-se multiplicadoras de informações sobre todas as formas de violência doméstica e familiar contra as mulheres, disseminando orientações de como combater e denunciar os abusos. Os estabelecimentos parceiros têm um Selo de Parceria para identificar a participação na campanha. A proposta desenvolvida em Mato Grosso do Sul desde 2017 fez tanto sucesso que serviu de inspiração para outras unidades da federação. Nesta quinta-feira (11), a promotora paulista Gabriela Manssur, acompanhada do juiz Mário Rubens Assumpção Filho, anunciou em suas redes sociais o início do projeto em salões de beleza Jacques Janine da capital paulista. Gabriela fez questão de ressaltar que a iniciativa partiu da juíza de MS. “Hoje eu estou muito feliz porque estamos dando início à multiplicação de um projeto chamado Mãos EmPENHAdas, desenvolvido e idealizado pela juíza Jacqueline Machado, de MS. É a capacitação e informação para cabeleireiras, manicures e todas as pessoas que trabalham em salões de beleza, para que possam informar suas clientes e perceber quais delas são vítimas de violência doméstica. Vamos desenvolver o projeto em todos os salões de beleza de SP”, disse a promotora. Muitos estados brasileiros estão replicando a ideia que nasceu na Coordenadoria da Mulher do TJMS. A proposta foi inclusive usada como inspiração para a Ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves, lançar a campanha “Salve Uma Mulher”. Além disso, a juíza Jacqueline Machado ganhou o prêmio nacional de Direitos Humanos 2018, quando foram inscritos mais de 70 trabalhos, de todas as regiões do Brasil, e na categoria Mulher destacou-se o Mãos EmPENHAdas Contra a Violência.
12/04/2019 (00:00)

Contate-nos

Diego Brito Advocacia & Consultoria

Rua Esso  334
-  Jardim América
 -  Campo Grande / MS
-  CEP: 79080-070
+55 (67) 3201-9742
Visitas no site:  107964
© 2019 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.